Fiscalização em bares e restaurantes visita 26 estabelecimentos no primeiro dia

A fiscalização dos bares e restaurantes de Varginha aconteceu na noite desta, 24. A ação é realizada por fiscais da Vigilância Sanitária e apoios da Guarda Civil Municipal e a Polícia Militar.

Muitos dos estabelecimentos não estão respeitando o Decreto Municipal que determina encerrar o atendimento presencial às 22 horas. Após esse horário só delivery e drive thru.

Primeiro, a comitiva da fiscalização foi aos locais de denúncias. Foram 26 estabelecimentos visitados em oito bairros e lavradas seis multas. Um bar foi interditado por apresentar risco eminente à saúde, não continha álcool gel e sequer alvará de funcionamento, inclusive já havia sido notificado quanto a esse procedimento.

Motivos recorrentes:

– proprietário e/ou funcionário sem máscara;

– falta de cartaz informando quantidade máxima de clientes no estacionamento;

– falta de distanciamento entre clientes;

– clientes não consumindo e sem máscara;

– mais de duas pessoas por mesa;

– falta de distanciamento entre as mesas;

– não disponibilização de álcool gel para clientes;

– falta de alvará de localização e funcionamento;

– não cumprimento do horário máximo de funcionamento até 22h.

A fiscalização nos bares, restaurante e estabelecimentos afins prossegue, por determinação do prefeito Vérdi Lúcio Melo. “Percebemos que muitas pessoas não estão cumprindo as determinações quanto à prevenção ao coronavírus e já definimos uma série de ações para lembrar as pessoas quanto a responsabilidade de cada uma nesse cenário da pandemia; não vamos baixar a guarda; o momento é de total comprometimento com a saúde”, afirma Vérdi.

Todas as situações estão sendo acompanhadas pela Prefeitura como supermercados que recebem praticamente diligências diárias. Lotéricas, agências bancárias, ônibus e outros locais – inclusive na zona rural – que não estão em conformidade com o Decreto Municipal já estão na mira dos fiscais que poderão chegar nos estabelecimentos a qualquer momento.

Carro de som

Outra medida adotada pela Prefeitura de Varginha, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, é a circulação de carros de som pela cidade. A mensagem lembra a população de medidas que já deveriam ter se tornado hábito como o uso correto da máscara (cobrindo nariz e boca), higienização frequente das mãos (com água e sabão ou álcool gel), distanciamento mínimo de 2m de outras pessoas e o isolamento social (nada de festas, inclusive nos quintais das casas), e saia somente se for indispensável.

Mais ação

A Prefeitura faz a desinfecção diariamente em locais de grande circulação de pessoas como no ponto central e tendas da Praça Getúlio Vargas e frequentemente em outras áreas como nos quatro hospitais da cidade (Bom Pastor, Regional, Varginha e Humanitas). Nessa quinta-feira, a programação inclui os bairros São Geraldo, Pinheiros e alto da Vila Paiva.

Agentes da Vigilância Ambiental abordam as pessoas nas tendas da Praça Getúlio Varginha para reforçar a prevenção quanto ao coronavírus.

Foram instalados três lavados públicos (próximo à UPA, na Praça Getúlio Vargas e na esquina do Calçadão com a Rua Presidente Antônio Carlos), onde as pessoas podem lavar as mãos com facilidade.

Com várias medidas de prevenção à pandemia da Covid-19, a Prefeitura espera a participação da população, que deve fazer a sua parte.

Fotos: Guarda Civil de Varginha.

Deixe um comentário