Em razão do covid-19 Varginha fechou mais de 1700 vagas no semestre

Em razão do covid-19 Varginha fechou mais de 1700 vagas no semestre

A boa notícia é que o município começa a se recuperar, mesmo que ainda timidamente, com pequeno saldo positivo em junho, segundo o Caged.

Os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta terça-feira, 28, mostra uma leve recuperação de Varginha frente a pandemia do novo coronavírus. Em junho, o saldo entre admitidos e demitidos foi positivo em 35 vagas com carteira assinada preenchidas.

Este saldo, mesmo modesto, é muito melhor que o resultado de maio, quando fechou com perda de 454 vagas. No semestre, nada menos do que 1737 vagas formais de emprego foram fechadas.

Contribuíram positivamente para o saldo positivo os desempenhos dos setores de Serviços e Comércio. Demitiram mais que admitiram os segmentos Agropecuários e Indústria. A Construção Civil ficou no zero, admitiu o mesmo número de pessoas que demitiu.

Lançando um olhar geral no semestre, os dados do Caged permitem observar que o desemprego atingiu praticamente todos os seguimentos. A exceção é a Agropecuária que nos seis primeiros meses do ano apresentou saldo positivo de 14 vagas preenchidas com carteira assinada.

No semestre, o saldo foi negativo nos setores de Serviços (-799), Comércio (-643), Indústria (-243) e Construção Civil (-66).

Janeiro a junho/2020

Resultado de junho/2020

Junho/2020 setorizado

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *