Dados do Caged indicam recuperação da economia de Varginha

Varginha continua se recuperando dos efeitos da pandemia ocasionada pelo covid-19. Segundo os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados na tarde desta quarta-feira, 30/09, em agosto, a cidade criou 564 vagas de empregos com carteira assinada, o melhor resultado este ano.

Se computados os oito primeiros meses do ano, o resultado ainda é negativo em 970 vagas, ou seja, foram fechadas e seus ocupantes dispensados. O pior resultado foi em maio com o fechamento de 467 vagas.

A boa notícia é que nos últimos três meses os resultados têm sido crescentes: 12 vagas criadas em junho; 239 em julho; e 564 em agosto.

O setor de Serviços foi o campeão na geração de empregos em agosto. Contribuiu com a abertura de 383 vagas com carteira assinada. Seguem os setores do Comércio, com 73 vagas; Indústria, com 56; Construção Civil, com 27; e Agropecuária, com 25 empregos garados.

Dados gerais em agosto. Fonte Caged.

Dados por setor. Fonte Caged.

Deixe um comentário