CEFET-MG integra programação da 17ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

Professor do Cefet-Varginha apresenta painel hoje (20) às 9 horas. Evento, on-line, acontece até 23 de outubro; CEFET-MG realiza 13 atividades durante a Semana.

 
“Inteligência artificial, a nova fronteira da ciência brasileira” é o tema da 17ª edição da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT), que acontece entre os dias 19 e 23 de outubro. Em Minas Gerais, diversas instituições se uniram para organizar o evento, este ano totalmente virtual, e o resultado foi uma programação bastante diversificada: serão mais de 30 apresentações, trazendo discussões como as aplicações da inteligência artificial no dia-a-dia e na saúde, o uso das novas tecnologias no ensino, a análise dos sentimentos por meio das inovações tecnológicas, entre outras.
 
Mas o evento contará ainda com outras temáticas que estão em destaque no momento, como a pandemia de Covid-19 e a situação da ciência no Brasil. Farão parte dos debates as desigualdades sociais e econômicas evidenciadas durante a pandemia e suas consequências, bem como o subfinanciamento da pesquisa científica.
 
Quatro tipos de atividades integram a programação da Semana em Minas: painéis temáticos (com um apresentador e duração de 1h); mesas redondas (três apresentadores e 1h30 de duração); chamada para vídeos (lives com apresentadores explicando os trabalhos postados na página do evento); além de seminários e oficinas sobre inteligência artificial. Ao todo, o CEFET-MG participa em 13 atividades nos quatro formatos.
 
No dia 19 (segunda), 10h, Cristiana Guimarães Alves participa da mesa redonda “O papel da divulgação científica na pandemia”; às 11h30, Igor Morici convida para exibição do vídeo “Trabalho ou emprego: uma discussão filosófica sobre o que está em jogo na Educação Profissional do CEFET-MG”; 16h30, do campus Divinópolis, Larissa Adriano convida para o vídeo “Equipamento eletrônico na triagem da baixa acuidade visual em pré-escolares”.
 
No dia 20 (terça), 9h, Paulo Henrique Cruz (campus Varginha) apresenta o painel “Robótica Educacional: ferramenta de interdisciplinaridade do conhecimento acadêmico”; 11h30, Valéria Justino (campus Varginha) convida para o vídeo “Utilização de resíduos para produção de tijolos ecológicos”; 16h, o painel “Oficina de Ideias: ambientes colaborativos no CEFET-MG” será apresentado por Fabiana Alves e Cláudia França.
 
Quarta (21), 14h30, acontece o painel “Ciência x Opinião: da banalização ao perigo”, com Leonardo Gabriel; na sequência, 16h30, Joana Coelho convida para o vídeo “Análise intersemiótica das ilustrações de Doré Dali para o romance Dom Quixote.”
 
Quatro ações do CEFET-MG integram a quinta (22): 9h, Sandro Renato Dias realiza com colegas da Fiocruz “Oficinas sobre inteligência artificial” (exclusiva para estudantes cadastrados previamente); 16h30, Priscila Ferreira (campus Nepomuceno) convida para o vídeo “Tecnologia Verde”; às 16h50, Eduarda Pena chama para a exibição de “Considerações sobre o filme Dom Quixote de Orson Welles”; 18h, em parceria com o Museu das Minas e do Metal (Gerdau), acontece a mesa redonda “A inteligência artificial: as máquinas estão no comando”, com participação de Flávio Cardeal.
 
No último dia de atividades, sexta (23), “Aproveitamento da água das chuvas” é tema de painel, que será apresentado às 16h por Lineker Coelho.
 
Além do CEFET-MG, participam da programação da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia no estado Fiocruz Minas, SBPC regional MG, UFMG, UFU, UFTM, UFV, UFSJ, UFJF e IFMG. E, como a ideia é ampliar as discussões para além da academia, também estiveram envolvidas escolas públicas (EMEI Venda Nova e Serra Verde, EM Zilda Arns, EE Maria Muzzi), instituições particulares (Colégio Santa Maria, ModalEduca), movimentos estudantis (UEE, UBES, ANPG), sindicatos (Sindifes, Sinasefe, APUBH, Sind-Rede/BH) que representam instituições de ensino, além do Museu da Gerdau.

Deixe um comentário