Caged: Varginha fechou mais de 1.300 vagas no primeiro quadrimestre

Varginha fechou o primeiro quadrimestre de 2020 com saldo negativo quanto a empregos. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados – Caged, que não eram divulgados desde dezembro.

Os números dos últimos dois meses mostram como o novo coronavírus impactou o município de Varginha. Em março e abril de 2020 o saldo é negativo. Nestes dois meses, 1.413 empregados com carteira assinada perderam seus empregos, 183 em março, e 1.230 em abril.

Nos dois primeiros meses do ano, a cidade vinha se recuperando, gerando empregos. Na soma, 149 vagas criadas. Não se sustentaram na sequência. O saldo total, nos quatro meses é negativo em 1.364 vagas.

Em abril, os setores que mais demitiram foram os de Atividades Administrativas e Serviços Complementares, com saldo negativo de 296 vagas. Na sequência, Comércio e Recuperação de Veículos, -262; Transporte, Armazenagem e Correio (-191); Indústria de Transformação (-156) e Alojamento e Alimentação que fechou 142 vagas.

Deixe um comentário