Caged: Varginha fecha janeiro com saldo positivo na geração de empregos

Assim como o Brasil, Varginha vem se recuperando dos empregos perdidos durante a pandemia provocada pelo covid-19. E fechou janeiro de 2021 com saldo positivo de 300 vagas criadas com carteira assinada. Os dados foram divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) nesta terça-feira, 16.

Em janeiro 1.576 admissões contra 1.676 desligamentos, o que apontou o saldo positivo de empregos gerados. O setor de Serviços foi o grande responsável no primeiro mês do ano, com 271 postos de trabalho, seguido da Construção Civil, com 33 vagas, e a Indústria, com 16 vagas.

O município vem se recuperando do impacto causado pelo vírus covid-19, desde abril do ano passado quando o Caged apontou que 1.319 pessoas perderam seus empregos. O saldo negativo continuou em maio com 468 demissões.

Varginha começou a se recuperar em julho com saldo positivo de 231 vagas criadas. Os meses seguintes também foram positivos: 534 em agosto; 429 em setembro; 381 em outubro; 279 em novembro.

Deixe um comentário