Boa perde em casa e pode voltar à zona do rebaixamento

Tudo se encaminhava para a segunda vitória seguida do Boa Esporte em Varginha. Afinal, ia enfrentar o lanterna da competição, o Uberlândia, um time em crise que a diretoria demitiu oito atletas durante a semana e um técnico interino. Não foi o que aconteceu, o time da casa perdeu de virada por 1X2.

No primeiro tempo, na verdade, o Boa pouco incomodou o goleiro Marcão. Teve oportunidades em cruzamentos desperdiçados. Na verdade, as melhores oportunidades foram do Uberlândia, com chutes de dentro da grande área para boas defesas de Carlos Miguel.

No segundo tempo, o Boa abriu o placar logo aos 5 minutos. Boa jogada pela esquerda, Fabinho avança livre de marcação e da entrada da área chutou para encobrir o goleiro. A bola bateu no travessão e entrou. Um golaço.

Mas aí o Uberlância começou a ganhar terreno. A jogar no setor defensivo boveta que não conseguia sair para o campo de ataque. E aos 28 minutos, o gol de empate do Uberlândia. Em jogada pela esquerda, o cruzamento encontra Nailson livre de marcação. Ele cabeçeou no canto de Carlos Miguel.

E o boa continuou sem conseguir sair para o jogo. E o Uberlândia desempatou três minutos depois. Outra vez jogada pela esquerda, desta vez quem chegou primeiro que o zagueiro foi o atacante Franco: 1X2.

Desesperado o Boa partiu para o ataque. E teve oportunidades com Jefferson dentro da pequena área. Ele sozinho cabeçeou para fora.

Com o resultado, o Boa fica com quatro pontos a mesma pontuação do Uberlândia. E dependendo de outros resultados pode voltar à zona do rebaixamento.

Ficha técnica

Boa 1X2 Uberlândia

Motivo: 5ª rodada do Campeonato Mineiro 2021.

Local: Estádio Melão em Varginha.

Gols: Boa (Fabinho), Uberlândia (Nailson e Franco).

Cartões: Boa (Matheus Muller). Uberlândia (Wander, Deivdy e Judson).

Boa: Carlos Miguel; Yuri Ferraz (Gabriel Barbosa), Admilton (Romeu), Alex Alves e Muller; Escuro, Léo Coca (Tiaguinho), Nicholas (Raphael) e Dieguinho; Jefferson e Fabinho (Diego). Técnico: Ariel Mamede.

Uberlândia:

Marcão; Everton, Anderson Penna, Eduardo e Gilmar; Felipe Recife (Daniel), Leonardo (Judson), Nailson e Wandinho (Felipe); Deivdy (Bruno) e Franco. Técnico: Francisco Eliazar.

Deixe um comentário